top of page
  • Foto do escritorMarcelo Nogueira

Processamento visual, entenda mais e saiba quais as alterações que podem acontecer



A capacidade de analisar e interpretar a informação visual é muitas vezes referida como Processamento Visual ou habilidades perceptuais visuais. Mesmo que uma criança possa ver claramente e confortavelmente, isto não significa que o cérebro seja capaz de fazer uso da informação recebida. Essas habilidades são importantes quando uma criança está aprendendo a reconhecer as letras e os números desenvolvendo assim as capacidades iniciais de leitura e matemática. Estas capacidades de Processamento Visual desenvolvem-se normalmente na maioria das crianças sem a necessidade de qualquer intervenção ou atenção especial, no entanto, em algumas crianças o desenvolvimento de habilidades de Processamento Visual não acompanha o crescimento da criança em outras áreas. Este tipo de atraso pode levar a dificuldades nos primeiros anos de escola e ao longo da vida.


O processamento visual ou percepção visual é um conjunto de habilidades que fornecem ao observador informações sobre os objetos, caracteristicas e localização espacial em que ele ou ela deve pensar e agir. É um processo direcionado a objetivos que envolvem a capacidade de entender e identificar características visuais importantes no ambiente; integrar a informação visual com outros sistemas sensoriais; e interpretar e atribuir significado às informações para se envolver com o meio ambiente. Portanto, a percepção visual se desenvolve dentro de um sistema complexo que também envolve processos atencionais, outros sistemas sensoriais, experiências anteriores, motivação e fatores cognitivos.



Modelo de processamento visual de Scheiman


Dr. Scheiman, um optometrista do desenvolvimento, sugere um modelo abrangente de três partes para entender a visão: integridade visual, eficiência visual e processamento das informações visuais. A integridade visual e a eficiência visual estão relacionados a acuidade visual, já o processamento visual aborda especificamente a percepção visual e inclui três conjuntos de habilidades: Habilidades visuais espaciais, habilidades visuais motoras e habilidades de análise visual.


-As habilidades visuais espaciais envolvem a capacidade de julgar sobre a localização de objetos no espaço visual em referência a outros objetos e ao próprio corpo do indivíduo. Incluem conhecimento direcional (como esquerda-direita e frente-trás) de si mesmo e de objetos no espaço tridimensional.


-As habilidades motoras visuais envolvem a integração de informações visuais e coordenação motora.


-As habilidades de análise visual. Este conjunto de habilidades envolve a capacidade da criança de estar ciente das características distintivas das formas visuais, incluindo forma, tamanho, cor e orientação, juntamente com habilidades de imaginação parcial e visual. Neste modelo, a análise visual inclui quatro tipos de habilidades de componentes:

-Discriminação visual: capacidade de discriminar características importantes no objeto.

-Figura fundo: capacidade de identificar um objeto ou características de um desenho dentro de um fundo complexo.

-Fechamento visual: capacidade de identificar uma forma ou imagem faltando algumas partes da imagem.

-Memória visual: capacidade em memorizar imagens observadas.


Como avaliamos o processamento visual?


Para avaliar essas habilidades do processamento visual utilizamos o Teste de Habilidades perceptivas visuais também conhecido como TVPS. O TVPS-4 é uma avaliação administrada individualmente de habilidades perceptivos visuais bidimensionais para indivíduos de 5 a 21 anos. Avalia habilidades perceptivas visuais sem exigir uma resposta motora e é projetado para fins de diagnóstico e pesquisa. O teste destina-se a ser usado por optometristas e outros profissionais que precisam de uma medida confiável e válida dos vários aspectos da capacidade visual-perceptiva em crianças, adolescentes e adultos jovens.


O TVPS-4 inclui sete subtestes da seguinte forma:

- Discriminação Visual: o indivíduo é solicitado a encontrar uma imagem em uma

página num conjunto de cinco imagens semelhantes, que corresponde exatamente a imagem apresentada.

-Memória Visual: o indivíduo é apresentado a uma imagem alvo por cinco segundos, é solicitado que se lembre dela e então encontre a imagem, em um campo de quatro imagens, na página seguinte.

-Relações Espaciais: o indivíduo é solicitado a encontrar uma imagem, em um campo de cinco imagens, que é diferente do resto.

-Constância da forma: o indivíduo é solicitado a encontrar uma imagem, em um campo de quatro ou cinco imagens, que corresponde à imagem apresentada, a imagem correspondente pode ser maior, menor, girada e/ou incorporada em um design maior.

-Memória Sequencial: o indivíduo é apresentado a uma imagem de uma sequência de elementos por cinco segundos, é solicitado que se lembre dela e então encontre a imagem com a mesma sequência, em um campo de quatro imagens, na pagina seguinte.

-Figura-fundo visual: o indivíduo é solicitado a encontrar uma imagem-alvo que está embutido em um entre quatro desenhos complexos.

-Fechamento Visual: é solicitado ao indivíduo para combinar uma imagem-alvo incompleta com a imagem corretamente preenchida em um campo de quatro imagens diferentes.

Cada um dos sete subtestes começa com dois itens de exemplo não pontuados que são seguido por 18 itens de teste organizados em ordem de dificuldade. O TVPS-4 mantém o formato familiar de múltipla escolha.


Conclusão:


Déficits no processamento visual são comuns em uma variedade de alterações neurológicas e problemas de aprendizagem, como vimos os indivíduos podem ter uma visão considerada 100%, ou seja, enxergam bem, mas o problema está no processamento e interpretação dessa imagem recebida pelo cérebro. As habilidades visuo-perceptivas influenciam no processo de aprendizagem e nos resultados escolares. Déficits nessas habilidades visuais, assim que identificadas podem ser treinadas e melhoradas através da terapia visual optométrica.


Marcelo Nogueira é optometrista em Optocentro saúde e reabilitação visual em Itapetininga-SP


Especialista em ortóptica e terapia visual, possui anos de experiência em avaliação e treinamento das habilidades do processamento visual, tendo muitos casos de sucesso no tratamento de déficits do processamento visual.


Agende já a sua consulta!



984 visualizações0 comentário

Comments


bottom of page